Urologia

Adenoma da próstata Só poderá fazer este tratamento se o diagnóstico for feito pelo seu médico. Em todos os casos, deve absolutamente ir a uma consulta. Tome sistematicamente: Baryta carbónica 7CH: 2 grânulos ao levantar e ao deitar. Pereira brava 6DH, nos adenomas da próstata acompanhados por vontades constantes e ineficazes de urinar, e de uma necessidade de fazer esforços para esvaziar a bexiga Sabal serrulata 6DH, quando acorda muitas vezes durante a noite e o jato urinário é fraco e aos saltos. Posologia: estes dois últimos medicamentos podem ser tomados sob a forma de uma preparado à razão de 20 gotas de manhã e à noite. Acrescente: Squilla marítima.