Una-receta-casera-contra-la-tos-1_0

Casos de tosse

Na maioria das vezes, são por vezes grossas e podem encontrar-se em todas as afeções

  • Coccus cacti 5CH: nas rinofaringites – que aparecem em tempo frio – acompanhadas por um corrimento de mucosidades espessas, amareladas, difíceis de expulsar e ataques violentes de tosse seca, espasmódica, sufocante que deixa o rosto corado. Esta tosse melhora com as bebidas frias.
  • Corallium rubrum 5CH: nas rinofaringites, nas bronquites caracterizadas por uma tosse espasmódica, violenta, esgotante, que aparece logo com ataques, congestionando o rosto. A tosse piora ao acordar e com o a frio.
  • Cuprum metallicum 5CH: para as tosses secas com ataques, extremamente violentas ,com cianose da face, aparecendo durante rinofaringites, traqueites.
  • Drosera rotundifolia 5CH: ataques de tosse logo que deitamos a criança, com dores músculos abdominais provocadas pela intensidade da tosse.

Tosses noturnas

As tosses noturnas são muito frequentes. As tosses que aparecem logo que a criança se deita correspondem a Drosera rotundifolia e a Hyoscyamus quando a tosse cessa logo que a criança se senta.

Quando aparecem antes da meia-noite orientam para Coccus cacti ou Corallium rubrum, ao passo que as tosses que se manifestam depois da meia-noite correspondem a Drosera rotundifolia, e aquelas que aparecem por volta da meia-noite a Aconitum napellus.

As tosses que não têm horário noturno especial indicam mais Mercurius solubilis, Pulsatilla e Sticta pulmonaria.
As tosses que não acordam as crianças que continuam a tossir e a dormir, orientam para Chamomilla vulgaris ou Tuberculinum.

Originally posted 2014-04-02 11:45:14.

Comments

comments