curare-bambini-omeopatia

Gastroenterites agudas

Manifestam-se através de diarreia, vómitos, febre e dores abdominais.

Diarreias por intoxicação

Distinguimos principalmente:

  • A “turista”

Aparece nos primeiros dias de uma viagem num pais exótico, a seguir a ingestão de agua não fervida ou cubos de gelo, legumes crus, frutos com a casca.. Aparece brutalmente, acompanhada por uma perda de apetite, dores abdominais, náuseas e por vezes febre moderada.

  • A intoxicação alimentar às salmonelas

A contaminação é provocada por alimentos estragados (charcutaria, carne, gelados, bolos), muitas vezes no enquadramento de uma restauração coletiva. O diagnóstico é evidente: a gastroenterite aparece nas oito a doze horas após a ingestão da refeição, uma febre a 40ºC, uma diarreia fétida, dores abdominais, por vezes vómitos assinam o diagnóstico.

Os medicamentos principais destas diarreias são:

  • Arsenicum álbum 5CH, medicamento das intoxicações alimentares — carnes ou conquilhas — acompanhadas por fezes irritantes nauseabundas, dores abdominais ardentes que melhoram com bebidas quentes, náuseas e vómitos. A febre faz beber regularmente pequenas quantidades de água e ocasiona uma sensibilidade ao frio importante e uma necessidade de se aquecer.
  • Carbo vegetabilis 5CH, nas diarreias fétidas acompanhadas por inchaços situados logo por cima do umbigo, e cãibras abdominais que obrigam o doente a dobrar-se ao meio. Este último tem necessidade de ar, fica aliviado com as eructações e os gases, mas sente-se pior deitado.
  • Ipeca 5 CH, na presença de uma diarreia de fezes esverdeadas, cãibras abdominais e sobretudo náuseas intensas e persistentes que não melhoram com os vómitos. A língua está limpa, ou seja, cor-de-rosa.
  • Mercurius solubilis 5CH é indicado nas diarreias com fezes esverdeadas, uma vontade urgente de ir à casa-de-banho e a sensação de nunca mais acabar. O hálito é fétido, a língua branca, a febre é acompanhada por uma sede intensa e suores que não aliviam o doente.
  • Podophyllum 5CH, nas diarreias aquosas, abundantes, amareladas, fétidas, em jatos, acompanhadas por gases, dores parecidas com cãibras que melhoram quando nos deitamos de barriga par baixo, e vontade frequente de ir à casa-de-banho. O doente fica esgotado depois de ir à casa-de-banho.
  • Pyrogenium 9 CH não é um medicamento de diarreia, mas, sim, de alteração do estado geral e de febre a seguir a uma intoxicação alimentar com produtos estragados.
  • Paratyphóidinum B 15CH, uma dose potencializa a ação dos medicamentos precedentes.
  • Um pouco à parte: Dulcamara 5 CH, diarreia de fezes esverdeadas no regresso de uma viagem a um país quente, sem noção de infeção.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos 5 vezes por dia sistematicamente e depois de ir à casa-de-banho durante 2 dias, depois 3 vezes por dia nos 2 dias seguintes. Pare o tratamento um dia depois do desaparecimento dos problemas.

Originally posted 2014-03-28 09:22:02.

Comments

comments