Artigos

1 - Os medicamentos homeopáticos

Os medicamentos homeopáticos

  • Seleciones os medicamentos que lhe são uteis em função das doenças e dos seus modos de reação a estas últimas.
  • Reabasteça-o logo que um tubo acabou, para evitar ser apanhado de surpresa.
No caso de Tenha à mão
Contusões musculares Arnica montana 5CH em tubos-grânulos.

Arnica montana 9CH em doses.

Entorses Arnica montana 5CH, Ruta graveolens 5CH, Rhus toxicodendron 5CH.
Pequenas feridas Hypericum perforatum 5CH, Ledum palustre 5CH.
Picadas de insetos Apis mellifica 5CH, Ledum palustre 5CH.
Sangrar do nariz Arnica montana 5CH, China 5CH, Millefolium 5CH.
Pequenas queimaduras Arnica montana 5CH, Pyrogenium 5CH, Belladonna 5CH, Apis mellifica 5CH, Rhus toxicodendron 5CH, Cantharis vesicatória 5CH.
Golpes de sol Aconitum napellus 9CH, Belladonna 9CH, Apis mellifica 7CH, Glonoinum 7CH, Rhus toxicodendron 5CH, Cantharis vesicatória 7CH.
Enjoo dos transportes Escolha por entre; Borax 9CH, Cocculus indicus 9CH, Petroleum 9CH, Staphysagria 9CH, Tabacum 9CH e Theridion 9CH.
Febre Selecione os seus medicamentos entre: Aconitum napellus 5CH, Arsenicum 5CH, Apis mellifica 5CH, Arnica montana 5CH, Belladonna 5CH, Bryonia alba 5CH, Chamomilla vulgaris 5CH, Ferrum phosphoricum 5CH, Gelsemium sempervirens 5CH, Mercurius solubilis 5CH, Pulsatilla 5CH, Rhus toxicodendron 5CH.
Otite Belladonna 5CH, Capsicum annuum 5CH, Ferrum phosphoricum 5CH, Pyrogenium 5CH.
Dentes a romper Chamomilla vulgaris 5CH.
Rinofaringite Allium cepa 5CH, Euphrasia 5CH, Kalium bichromicum 5CH, Dulcamara 5CH.
Laringite Aconitum napellus 15CH, Drosera rotundifolia 9CH, Hepar sulfur 30CH, Sambucus nigra 5CH, Spongia tosta 7CH.
Tosse Kalium bichromicum 5CH, Corallium rubrum 5CH, Chamomilla vulgaris 5CH.
Dor na garganta Belladonna 5CH, Mercurius solubilis 5CH, Phytolacca 5CH.
Asma Ipeca 5CH, Antimonium tartaricum 5CH.
Indigestões Antimonium crudum 5CH, Nux vomica 5CH.
Diarreia Em função das suas reações, selecionará os seus medicamentos por entre os seguintes: Arsenicum álbum 5CH, Argentum nitricum 5CH, China 5CH, Ipeca 5CH, Nux vomica 5CH, Dulcamara 5CH, Podophyllum 5CH.
Medo Escolha por entre: Ignatia amara 15CH, Argentum nitricum 15CH, Gelsemium sempervirens 15CH, Causticum 15CH.
Cãibras Cuprum metallicum 5CH.
Espasmos Colocynthis 5CH, Magnesia phosphorica 5CH.
Vómitos Ipeca 5CH, Nux vomica 5CH, Antimonium crudum 5CH.
Hemorroides Aesculus hippocastanum 6DH, pomada de Ratanhia ou Paeonia a 4%.
  • Se tiver pequenos males que voltam regularmente, tais como por exemplo aftas, herpes ou terçolhos, reveja os capítulos correspondentes ou o índice, e procure os medicamentos úteis para estas afeções.
  • As tinturas-mães que deve ter são principalmente as de Arnica montana e de Calendula.

Originally posted 2014-04-14 15:57:57.

1280px Gelsemium sempervirens 003 - Gelsemium sempervirens

Gelsemium sempervirens

Origem

O jasmim amarelo de Carolina ou jasmim selvagem Gelsemium sempervirens, planta trepadeira da família das loganiáceas, originária do sudeste da América do Norte, introduzida na Europa no século XVIII, é um arbusto ornamental com flores amarelas e um perfume jasmim bem conhecido em França.

Composição

A tintura-mãe homeopática, preparada a partir da parte subterrânea da planta (raiz e rizoma) contém três alcaloides tóxicos – a gelsemina, a gelsemicina e a sempervirina – na origem da sua atividade principal sobre o sistema nervoso central e periférico.

Indicações

Gripe que aparece durante o tempo quente e húmido

Provoca:

  • uma febre moderada, sem sede,
  • tremores, dores no corpo;
  • uma congestão do rosto e cefaleias intensas que entontecem o doente;
  • uma grande fraqueza física e nervosa, uma sonolência.

Este medicamento também é indicado depois das doenças tais como a gripe, o sarampo, a rubéola, quando o convalescente está muito cansado.

Medo que precede uma data importante pouco habitual

Manifesta-se através de:

  • tremores das extremidades;
  • diarreia ou vontade urgente de urinar;
  • uma taquicardia emocional;
  • uma insónia;
  • e por vezes perturbações da memória.

Esta emotividade intensa e o medo precedem de alguns dias a data (exame de uma criança ou de um adolescente, entrevista importante de um adulto).

Enxaqueca

Enxaqueca oftálmica

  • precedida por perturbações da visão,
  • com a sensação de laço apertado por cima dos olhos;
  • num sujeito surpreso, com tremores e o rosto congestionado;
  • cujo fim da crise se anuncia através de uma abundante emissão de urina.

Enxaqueca com aura neurológica

Só difere da enxaqueca oftálmica através dos sintomas que anunciam a crise, ou seja, formigueiro e entorpecimento do rosto.

Parto

Quando o trabalho é doloroso, irregular e ineficaz.

Paralisias faciais

Que aparecem durante o tempo quente ou a seguir a uma zona.

Gelsemium sempervirens convém se

Os fatores desencadeantes forem:

  • O medo.
  • Uma data pouco habitual e importante (exames, entrevista).

As modalidades forem:

  • Uma agravação com as emoções, com as más noticias, com o tempo quente e húmido.
  • Melhoras com uma micção abundante com o movimento.

Os sujeitos que respondem a Gelsemium sempervirens

São os sujeitos muito emotivos nos quais o mais pequeno receio provoca tremores das extremidades, e diarreia.

Posologia

  • Enxaqueca oftálmica Gelsemium sempervirens 7CH, 5 grânulos logo ao princípio da crise pode atenua-la bastante, depois uma meia hora mais tarde, a seguir, 2 grânulos todas as hora ou com menos frequência em função da intensidade das dores.
  • Parto: Gelsemium sempervirens 5CH, 2 grânulos de dez em dez minutos, depois espaçar as doses logo que as contrações voltarem a ser regulares.
  • Pirateias faciais: Gelsemium sempervirens 7CH, 2 grânulos 3 vezes por dia ate ao seu desaparecimento.

Originally posted 2014-04-09 15:30:09.

miedo - Fobias

Fobias

Fobias de objeto

Seguem muitas vezes manifestações de angústia durante o sono. Variam em função da idade.

Por volta dos dois anos, a criança tem sobretudo medo do escuro, aos três ou quatro anos dos animais grandes, e aos quatro ou cinco anos dos animais pequenos.

No geral, estas perturbações são pouco marcadas. No caso contrário ou se persistirem, um tratamento de terreno homeopático pode ser útil.

Medo do escuro

Para além dos medicamentos de terrores noturnos — aos quais correspondem principalmente Stramonium e Hyoscyamus —, há três medicamentos que sobressaem muitas vezes:

  • Causticum 9CH, que se dirige às crianças medrosas por natureza, muito afetadas com as infelicidades dos outros, que começam a andar e a falar bastante tarde. Do mesmo modo, fazem chichi na cama durante muito tempo.
  • Lycopodium clavatum 9CH, por vezes indicado nos sujeitos que respondem bem.
  • Phosphorus 9CH.

Posologia (para todos estes medicamentos) 2 grânulos ao deitar.

Outras fobias

Tal como acabei de precisar, a fobia dos animais não necessita de tratamento, ou de um tratamento homeopático de terreno. No entanto, foi verificado que:

  • o medo dos animais grandes é mais frequente nas crianças que necessitam de Calcarea carbónica ou Tuberculinum (medo de cães sobretudo);
  • a fobia dos micróbios ou dos bichinhos pequenos encontra se sobretudo nas crianças às quais Luesinum é útil.

Posologia (para todos estes medicamentos): em 9CH, 2 grânulos ao deitar.

Originally posted 2014-04-03 15:33:05.

86540836 - Fobias Parte II

Fobias Parte II

Fobias de situações
Angústia da separação

Aparece sempre no mesmo contexto, ou seja, por ocasião de uma separação com a mãe.

Isto pode ir desde a separação clássica quando a criança é deixada na escola, até a separação mais opressiva da criança que chora logo que a mãe deixa a sala onde está, ou então logo que um estranho se aproxima.

Começa por volta dos orlo meses e continua mais ou menos até aos dois anos. O comportamento da família — sobre proteção e/ou castigo e/ou desinteresse e/ou ansiedade dos pais — pode manter esta fobia.

A resposta do pai e da mãe às reações da criança é individual e deve ser discutida com o médico.
Os medicamentos de terrenos mais frequentes são Calcarea carbonica, Pulsatilla, Silicea.

Fobias escolares

As fobias escolares, o medo de ir à escola ou de entrar na aula, podem aparecer por diversas razões que devemos procurar angústia de separação, medo do professor ou de fazer mal, dificuldades da criança para se exprimir, medo ou escárnio de outra (s) criança (s). Podem aparecer muitas vezes na pré-primária, mas também podem produzir se na criança entre sete e treze anos.

Estas fobias também se manifestam por vezes através de dores de barriga ou de cabeça, de náuseas. Se persistirem, uma ajuda psicoterápica deve ser necessariamente encarada. Encontramos, nas fases agudas, os medicamentos clássicos de temor:

  • Ignatia amara 9CH, se a angústia de uma criança nervosa, muito emotiva, se revelar através de dificuldades para engolir o seu pequeno-almoço (nó na garganta), de dores abdominais ou de náuseas que melhoram quando come, de risos e de lágrimas.
  • Argentum nitricum 9CH, quando a criança não pára de perguntar se irá á escola no dia seguinte quando justamente se trata do primeiro dia de férias escolares. Antes de ir para a escola, pede para ir à casa de banho, porque pode ter uma diarreia emotiva.
  • Gelsemium sempervirens 9CH convém à criança que chora, treme. Os pais são obrigados a arrastá-la, porque é a criança que, à entrada da escola, fica bloqueada sem se mexer, paralisada com o medo.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao levantar e ao deitar.

Os medicamentos de terrenos mais frequentes são: Calcarea carbónica, Causticum, Lycopodium clavatum, Natrum muriaticum, Phosphorus, Pulsatilla, Sépia.

Originally posted 2014-04-03 15:57:11.

homeopatia fitoterapia farmacia ana rubio - Causticum

Causticum

Origem, composição

Causticum é um composto próprio á homeopatia, definido pelo seu modo de preparação. Foi criado por Hahnemann a partir de uma mistura líquida de pó de cal calcinada, de sulfato monopotássico e de água a ferver.

Indicações

Rigidez dolorosa e reumatismos

Têm como características raras:

  • melhorarem com a humidade e a chuva:
  • e piorarem com o trio seco e a noite.

Perturbações cutâneas

  • Comichão sine matéria das pessoas de idade, que melhoram com as arranhadelas.
  • Verrugas largas, que sangram facilmente, nos dedos, nas unhas, no nariz.
  • Cicatrizes queloides (relego duro da pele que pode constituir-se durante uma má cicatrização) dolorosas.

Incontinência urinária

A seguir a um parto, a tosse, a um esforço.

Nas crianças que respondem bem

  • Enuresia Infantil (chichi na cama) do primeiro sono.
  • Adormecimento difícil com medo do escuro: a criança só adormece com a luz acesa.

Cãibras dos escritores

Com tremores e fraqueza muscular, com tendência para largar o lápis.

Medo

Manifesta-se – principalmente nos sujeitos que respondem bem – através de um receio e de uma grande ansiedade Aparece muito antes da chegada de um acontecimento importante, tal como uma entrevista profissional ou um exame no estudante.

Paralisias

  • Faciais, das cordas vocais.
  • Sequelas de hemiplegia.

Causticum convém se

As modalidades forem:

  • Uma agravação com o vento seco e frio, tempo seco, à noite, no momento do crepúsculo.
  • Melhoras com o calor, tempo húmido e chuvoso.

Os sujeitos que respondem bem a Causticum

Este medicamento convém sobretudo às pessoas de idade, rígidas, com dificuldades para andar. Estes sujeitos, com a pele amarelada, são friorentos, desidratados e portanto com prisão de ventre. Muito sensíveis, muito emotivos, ficam muito afetados com a infelicidade dos outros.

As crianças são magras, desajeitadas, medrosas, e temem o escuro. A aquisição da marcha e da palavra faz-se com atraso. Fazem chichi na cama por vezes até à adolescência.

Posologia

  • Enuresia: Causticum 15CH, 2 grânulos ao deitar.
  • Medo: Causticum 15CH, uma dose logo a seguir ao aparecimento das perturbações, depois com uma semana de intervalo até ao dia do acontecimento.

Originally posted 2014-04-09 10:53:41.