homeopatia

Origem

Nicotina tabacum é uma planta originária da América do Sul, da família das solanáceas, chamada vulgarmente tabaco. Cristóvão Colombo descreve os homens da ilha de São Salvador que se deleitavam com uma certa erva que levavam à boca e acendiam com um tição.

Esta planta, atualmente cultivada, sintetiza nas suas raízes o seu principal alcaloide, a nicotina, responsável pela toxicidade do tabaco, e acumula-a nas suas folhas. A tintura-mãe é preparada a partir destas últimas frescas, não fermentadas, apanhadas no fim da estação

Indicações

Enjoo dos transportes

Com náuseas, vómitos, vertigens.

Com indisposição, palidez, suores frios.

Dos sujeitos que melhoram com o ar fresco (o contrário, Cocculus indicus).

Indicado:

  • nos sujeitos que se sentem mal de carro, comboio, avião;
  • no enjoo de barco.

Náuseas da gravidez

Do primeiro trimestre.

Com vómitos, vertigens e maior salivação.

Desintoxicação de tabaco

Angina de peito

O seu diagnóstico e o seu tratamento necessitam de uma consulta médica.

Tabacum convém se

As modalidades forem:

  • Melhoras com o ar fresco.

Posologia

  • Enjoo dos transportes: Tabacum 9CH, 2 grânulos na véspera, no próprio dia (meia hora antes de partir) e no momento da partida. Renovar as doses conforme a necessidade durante a viagem.
  • Desintoxicação de tabaco: Tabacum 9CH, 5 vezes por dia durante 2 dias, depois 3 vezes por dia durante 8 dias.

Originally posted 2014-04-14 13:08:53.

Comments

comments