remedio

“Quando optar por uma dose ou por grânulos?”

Conforme os hábitos, a utilização de doses ou de grânulos tanto se justifica nos casos agudos como nas doenças crónicas.
De uma maneira geral, a utilização de doses faz-se pontualmente:

  • nos casos agudos, por ocasião de uma picada de abelha, uma dose de Apis mellifica 15CH pode ser o suficiente para aliviar as dores, imediatamente a seguir a uma queda, uma dose de Arnica montana 15CH atenua as dores e serve de prevenção para as complicações tal como uma equimose (a “nódoa negra”), por exemplo.
  • nas doenças crónicas, os médicos utüzam técnicas muito variadas para a prescrição das doses. Em função das patologias, podem ser receitadas por dia. Por semana ou por mês.
  • Para além destes casos: tanto nas doenças agudas como crónicas, tomará grânulos, na maioria das vezes em doses de três Saiba que alguns receitam-nos em doses de dois, outros de cinco com os mesmos resultados.
  • Que diluição devemos escolher?”

Uma vez que determinou o medicamento que quer utilizar, tem de procurar a diluição mas apropriada.

O modo de raciocínio é o seguinte: quanto mais o medicamento corresponder aos sintomas que sente, mais deverá tomá-lo em diluições elevadas. Porquê? Porque corresponde mais à sua maneira de reagir à doença.

Originally posted 2014-03-26 11:14:40.

Comments

comments