Adorable newborn baby with teddy

As perturbações do sono na criança manifestam-se de diversas maneiras em função da idade: — a resistência para ir para a cama, entre um e dois anos, corresponde muitas vezes a uma angústia da separação; — o medo do escuro e o desejo de adormecer com luz ou uma lâmpada acesa aparecem por volta dos dois anos; — os pesadelos começam por volta dos três ou quatro anos, a criança distingue ainda mal a ficção da realidade; — a criança entre três e oito anos tem terrores noturnos; — o sonambulismo na mesma idade é muitas vezes desencadeado por um acontecimento angustiante.

Despertares noturnos

A maioria dos medicamentos de insónias da criança são os mesmos que os dos adultos. Para mais pormenores, aconselho o leitor a rever o capítulo sobre as perturbações do sono. Há dois medicamentos mais específicos das insónias da criança que tem interesse em conhecer:

  • Cypripedium 1DH, na criança nervosa que, depois de uma grande alegria durante o dia, levanta-se de noite para brincar e fazer projetos, mas também por vezes para gritar.
  • Jalapa 3DH é adaptado às crianças calmas durante o dia e agitadas à noite que, também elas, acordam para brincar, falar, algumas vezes para gritar.

Posologia (para todos estes medicamentos): 10 gotas ao deitar, a repetir durante a noite se necessário.

Pesadelos

Os pesadelos resultam muitas vezes de uma situação “aterradora” que a criança sofreu durante o dia. Assim, uma história que faz medo ou cenas de violência observadas na televisão podem desencadear pesadelos durante a noite seguinte.

Se estes últimos forem muito frequentes e aparecerem nestas circunstâncias, é inútil um tratamento.
Uma boa meiguice basta muitas vezes para tranquilizar a criança e permite-lhe voltar a adormecer serenamente.

Se souber que algumas circunstâncias correm o risco de desencadear um pesadelo, pode dar-lhe ao deitar

  • 10 Gotas de Valeriana 6DH
  • 2 Grânulos de Ignatia amara 9 CH.

Originally posted 2014-04-07 09:11:45.

Comments

comments