pediatra - Eritema nadegueiro do bebé

Eritema nadegueiro do bebé

O eritema nadegueiro, ou seja, as nádegas vermelhas, é um eczema. As fraldas oclusivas, o talco, os produtos detergentes ou amaciados para roupa podem ser causa.

Diagnóstico

O eritema nadegueiro do bebé começa à volta do ânus, depois espalha-se progressivamente em placa vermelha e inflamatória até às partes genitais.

Esta placa, com um contorno irregular, pode ficar vermelha e seca ou tomar-se transudante. Por vezes, faz sofrer o bebé e infecta-se com um fungo, o Candida albicans.
As clássicas nádegas vermelhas do bebé prolongam-se devido à hiperacidez das fezes, por vezes das urinas em contacto com a pele, e das fraldas que não deixam respirar a pele.

Principais complicações

A sobre-infeção cutânea, a micose.

Higiene e prevenção

  • O banho quotidiano numa água não muito quente (inferior a 36°C) hidrata a pele. O bebé deve ser bem lavado e bem seco, para evitar a maceração e a humidade que favorecem esta doença de pele.
  • Mude a fralda com frequência, a seguir a cada mamada ou refeição.
  • É necessário limpar bem e secar as nádegas a cada muda, com pancadinhas nestas.
  • Evite as fraldas oclusivas, o talco (maceração), os produtos detergentes ou amaciadores para a roupa

Tratamentos

Tratamento locais

  • Limpa a pele com Leite de Calendula
  • Proteja-a das fezes com uma pasta de agua tipo Aloplastinel.
  • Deixa as nádegas do seu bebé ao ar o máximo de tempo possível.

Tratamento homeopático

Um tratamento homeopático simples é muitas vezes suficiente.

Dê-lhe sistematicamente

  • Medorrhinum 15CH
  • Calcarea carbonica 15CH

Posologia: 2 grânulos 3 vezes por dia de cada medicamento enquanto as nádegas estão vermelhas

No caso de complicações, se o eczema começar a transudar

  • Desinfete localmente a pele.
  • Associe a Medorrhinum. sistematicamente:
  1. Cândida albicans 7CH, 2 grânulos 3 vezes por dia e
  2. Staphylococcinum 7CH. 2 grânulos 3 vezes por dia durante 8 dias.

No caso de diarreia e de comichão forte

Não espere muito par ir a uma consulta, se a criança não ficar aliviada rapidamente

  • Croton tiglium 7CH, 2 grânulos 5 vezes por dia durante 2 dias, depois 3 vez durante 6 dias.

Originally posted 2014-04-01 15:06:31.

sonambulismo 0 - Sonambulismo

Sonambulismo

Diagnóstico

O sonambulismo aparece durante o sono profundo, sobretudo na criança de cinco a doze anos; é muitas vezes desencadeado por um acontecimento angustiante. Manifesta-se por uma deambulação noturna, durante a qual a criança sente-se confundida.

Evita os objetos, responde às ordens, mas no outro dia já não se recorda. Tal como para os terrores noturnos, o sonambulismo desaparece à medida que os anos passam. No entanto, a sua persistência na adolescência deve obrigar a procurar uma perturbação psicológica subjacente.

Tratamento

Os medicamentos mais frequentes são:

  • Kalium bromatum 9CH.
  • Natrum muriaticum 9CH, indicado nas crianças que respondem bem com tendência para os herpes, eczemas, rinofaringites a repetição e para o emagrecimento apesar de um bom apetite.
  • Phosphorus 9CH é por vezes um medicamento do sonambulismo nas crianças sonhadoras, imaginativas, que ficam angustiadas e fechadas consigo próprias quando já não se sentem em confiança
  • Silicea 9CH: sonambulismo das crianças que respondem bem regularmente infestadas com oxiúros durante a Lua Nova, ou estudantes esgotados, com sono agitado não reparador, com despertar em sobressalto.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao deitar.

Originally posted 2014-04-07 09:26:03.

Xarope caseiro para tosse e resfriado 2 - Tratamento da Tosse

Tratamento da Tosse

Tosses secas

As tosses secas são mais características das laringites, mas também aparecem, com muita frequência, durante as rinofaringites ou as bronquites.

Durante uma rinofaringite ou um bronquite

Com o nariz seco e entupido

  • Bryonia alba 5CH é indicado nas tosses secas e dolorosas que aparecem durante uma bronquite ou uma rinofaringite. A tosse é tal que o doente até se retém de tossir, respira o menos profundamente possível e sente-se melhor quando carrega com força no tórax. Uma febre com sede viva e suores benéficos pode acompanhar estes sintomas.
  • Sticta pulmonaria 5CH: num doente que se assoa constantemente sem resultado. As cefaleias e as dores que apresenta na raiz do nariz melhoram com o corrimento nasal. A tosse muito dolorosa piora durante a noite.

Com corrimento nasal

  • Allium cepa 5CH: logo ao princípio de uma constipação clássica que começa por espirros, um corrimento nasal claro, abundante, muito irritante, e uma tosse seca e dolorosa.
  • Ferrum phosphoricum 5CH: tosse seca e dolorosa, acompanhada por uma emissão involuntária de urina, nos sujeitos cuja expetoração vem misturada com pequenos fios de sangue quando se assoam.
  • Hepar sulfur 5CH é indicado nas rinofaringites acompanhadas por uma tosse seca logo ao principio.
  • Hydrastis 5CH: quando as secreções nasais e as expetorações — que aparecem a seguir a uma tosse seca penosa — são amarelas e pegajosas.
  • Ipeca 5CH: se a tosse for seca, com ataques violentos, espasmódica, na origem de náuseas e não melhora com os vómitos de muco. A língua fica cor-de-rosa, “limpa”, e a salivação é abundante.
  • Kalium carbonicum 5 CH convém aos sujeitos com uma tosse seca, dura, penosa, incessante, que só dificilmente permite expulsar pequenos escarros. É recomendado nas pessoas de idade que têm dificuldades para cuspirem e que perdem as suas urinas quando tossem.
  • Pulsatilla 5CH, se a tosse for seca e dolorosa durante a noite, grossa e indolor durante o dia. As secreções nasais e brônquicas são amarelas, espessas, não irritantes. A perda do paladar e do olfato é pronunciada.
  • Rumex crispus 5CH: quando as tosses violentas, esgotantes, incessantes, são provocadas por uma comichão no fundo da garganta, ou logo que o doente respira ar frio. Para evitar isso, este último usa constantemente um cachecol a tapar-lhe a boca e o nariz a fim de aquecer o ar que respira.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos 5 vezes por dia durante 2 dias, depois 3 vezes por dia durante 6 dias.

Originally posted 2014-04-02 11:27:53.

orando - Tratamento da Angústia

Tratamento da Angústia

Estas atitudes necessitam muitas vezes de um tratamento de terreno. A título de exemplo, eis os medicamentos que encontramos mais vezes:

Os coléricos

As fúrias só devem ser tomadas em consideração quando são muito frequentes ou só aparecem por futilidades. Os medicamentos mais característicos das fúrias da chança são:

  • Chamomilla vulgaris 9CH.
  • Cina 9CH.
  • Nux vomica 9CH.
  • Hepar sulfur 9CH convém às crianças indolentes, hipersensíveis, mas precipitadas na ação. Durante os seus ataques de fúria — violentos e fulgurantes -, as crianças tornam-se más e procuram fazer mal. Com predisposição para as rinofaringites a repetição, as suas feridas cicatrizam lentamente e supuram facilmente.
  • Lycopodium clavatum 9CH: estas pequenas crianças autoritárias escondem a sua ansiedade e a sua falta de confiança em si próprias através de fúrias durante as quais perdem completamente o controlo. Procuram a solidão, mas têm medo de estarem sozinhas, têm necessidade de “sentirem” — na sala ao lado por exemplo — a presença de um próximo. Ficam facilmente furiosas, sobretudo ao acordar, que é sempre um período difícil para elas.
  • Staphysagria 9CH.
  • Tuberculinum 9CH.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao levantar.

A instabilidade psicomotriz

Para além da agitação puramente motriz, as crianças podem reagir através de diversas atitudes, mais “psíquicas” do que “motrizes”, que têm o mesmo significado.

As reações de recusa ou de oposição, passiva ou ativa, o amuo ou ciúmes excessivos, ou então uma timidez exagerada são comportamentos reacionais frequentes, menores, e banais na criança.

Esta última cede muitas vezes espontaneamente se os pais fizerem prova de bom senso e de tolerância, e se a criança for um pouco acessível à razão. Um tratamento homeopático pode ser encarado nos casos mais difíceis.

Os oponentes

Os oponentes passivos

Não se opõem diretamente, mas não ouvem os pais verdadeiramente. São crianças inteligentes na maioria das vezes, que dizem muitas vezes “sim” e fazem mais ou menos o que têm na cabeça, transformando subtilmente a instrução dada para não ficarem completamente em falta.

Na maioria das vezes andam amuadas (o que lambem pode ser considerado como uma forma ativa de oposição):

  • Natrum muriaticum 9CH é adaptado às crianças secretas, amuadas ou contraditoras, que preferem a solidão e recusam o consolo.
  • Platina 9CH convém a crianças orgulhosas, altivas, que tratam com desprezo as injunções parentais. Felizmente, são excecionais, mas o seu número poderá aumentar se a tendência atual da criança-rei — à qual deixamos fazer tudo e perdoamos tudo – persistir.
  • Sepia 9CH corresponde a crianças que nestas fases são, ao contrário, indiferentes a tudo, tanto aos castigos como às solicitações. Recusam a companhia e querem ficar sozinhas. Esta atitude, se persistir ou se se repelir muitas vezes, deve levá-lo a consultar um médico, porque é, por vezes, anunciadora de uma depressão da criança. Esta última não é excecional, mas é difícil de detetar.
  • Staphysagria 9CH.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao levantar.

Os oponentes ativos

Já falámos dos coléricos, o ciúme é uma outra forma da oposição ativa que permite à criança ser tomada em consideração:

  • Lachesis mutus 15CH (uma dose) ajuda as crianças passageiramente ciumentas do nas-cimento de um irmãozinho ou de uma irmãzinha. As crianças que respondem bem são muitas vezes ciumentas sem razão.
  • Hyoscyamus 9CH corresponde a crianças receosas, desconfiadas, com ciúmes doentios, sujeitas aos tiques, aos terrores noturnos e ao ranger de dentes durante a noite.
  • Ignatia amara 9CH é indicado nas crianças ávidas de afeição, de humor variável, passando facilmente do riso às lágrimas e inversamente, na mais pequena ocasião. Já suspiram e não gostam de ser consoladas.
  • Lycopodium clavatum 9CH.
  • Platina 9CH.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao levantar.

Originally posted 2014-04-03 15:25:43.

875113852 - Tratamento de Otites

Tratamento de Otites

No bebé com menos de três meses

A paracentese (pequena incisão no tímpano) é praticada quase sistematicamente.

Na criança mais crescida

De uma maneira sistemática, logo que suspeita uma otite, pode dar:

  • Capsicum 5CH e Pyrogenium 5CH, associados a:
  • Belladonna 5CH, no caso de febre alta de face vermelha.
  • Ferrum phosphoricum 5CH, no caso de febre moderada e face pálida.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos todas as horas no primeiro dia, depois 5 vezes por dia nos 2 dias seguintes e a seguir 3 vezes por dia durante 3 dias.
Na ausência de melhoras nos dois dias que se seguem, vá a uma consulta com a criança.

Tratar a rinofaringite

Trate a rinofaringite habitualmente associada e sobretudo desentupa o nariz da criança, fazendo instilações nasais de soro fisiológico acondicionado em fraco unidose.

Originally posted 2014-04-02 10:07:39.