homeopatia1

Em França – no século XIX

Em França, Sébastien Des Guidi – professor de matemáticas, doutor em ciências, doutor em medicina – introduziu a homeopatia em 1830. Formou-se em Nápoles, depois conheceu Hahnemann antes do seu regresso em França. Em 1836, publicou a sua “Carta aos médicos franceses sobre a homeopatia” que explicava e informava os seus colegas sobre a razão de ser da homeopatia. Curou Pierre Dufresne, que levou a homeopatia para a Suíça, e é o fundador em 1832 da primeira publicação periódica homeopática: a Biblioteca homeopática, editada em Londres e em Paris.

No mesmo ano, Pierre Dufresne reuniu a primeira sociedade homeopática, a Sociedade homeopática galicana. Sébastien Des Guidi curou a seguir Benoit Mure, o qual, por sua vez, deu a conhecer a homeopatia na Sicília, no Brasil e em outros Estados da América do Sul, em Portugal, na India, no Egipto, etc.
Em 1832. O professor Mabit, depois dos sucessos da homeopatia sobre a cólera no Hotel-Dieu, tornou-se um dos seus partidários. O desenvolvimento da homeopatia também se fez graças à abertura de consultas nos dispensários, e através da mudança de orientação de alguns médicos dos hospitais que passaram da alopatia para a homeopatia.

Em 1835, Hahnemann participou em Paris na reunião da Sociedade homeopática galicana favorecendo ainda mais o desenvolvimento da homeopatia em França Veio acompanhado por Jahr, foi rapidamente cercado por Petroz e por Léon Simon cuja energia também permitiu a difusão da homeopatia no nosso território.

As edições Baillière em França, apesar da oposição dos seus autores, contribuíram bastante para a difusão da homeopatia. Jahr publicou o seu Manual, colaborou com o farmacêutico Catellan na Nova farmacopeia e posologia homeopática que constituiu durante muitos anos, juntamente com o Códex dos medicamentos homeopáticos, a única obra de trabalho dos farmacêuticos.

Numerosos guias terapêuticos e publicações periódicas saíram nos anos 1850-1860 e, segundo Jourdan, Léon Simon traduziu para francês a quinta edição alemã do Organon, o livro principal de Hanhemann.

Léon Simon filho abriu a 9 de Abril de 1870 o hospital Hahnemann. Menos de um mês mais
tarde foi criada, no número 282 da rua Saint-Jacques, a “Casa Saint-Jacques”, que só foi verdadeiramente operacional depois do cerco de Paris. Em contrapartida, o hospital Hahnemann conheceu uma grande atividade durante a guerra com a Prússia Em 1875, o hospital Saint-Luc em Lião abriu as suas portas.

O primeiro curso estruturado da homeopatia começou, sob a direção de Pierre Jousset em Janeiro de 1887. Grandes nomes cobrem este final de século XIX e estão verdadeiramente na origem do estabelecimento sólido da homeopatia no nosso país: trata-se de Chargé e da sua obra sobre o Tratamento homeopático das doenças dos órgãos da respiração, do professor Imbert-Goubeyre, deão da faculdade de medicina de Clermont-Ferrand, do professor Mabit de Bordéus, do professor Andrieu e do professor Risueno-d’Amador que ensinavam a homeopatia na faculdade de Montpellier.

Tessier, e depois Jousset, dois médicos homeopatas com grande personalidade, prepararam a entrada da homeopatia no nosso século.

Originally posted 2014-03-21 11:15:42.

Comments

comments