1280px-Gelsemium_sempervirens_003

Origem

O jasmim amarelo de Carolina ou jasmim selvagem Gelsemium sempervirens, planta trepadeira da família das loganiáceas, originária do sudeste da América do Norte, introduzida na Europa no século XVIII, é um arbusto ornamental com flores amarelas e um perfume jasmim bem conhecido em França.

Composição

A tintura-mãe homeopática, preparada a partir da parte subterrânea da planta (raiz e rizoma) contém três alcaloides tóxicos – a gelsemina, a gelsemicina e a sempervirina – na origem da sua atividade principal sobre o sistema nervoso central e periférico.

Indicações

Gripe que aparece durante o tempo quente e húmido

Provoca:

  • uma febre moderada, sem sede,
  • tremores, dores no corpo;
  • uma congestão do rosto e cefaleias intensas que entontecem o doente;
  • uma grande fraqueza física e nervosa, uma sonolência.

Este medicamento também é indicado depois das doenças tais como a gripe, o sarampo, a rubéola, quando o convalescente está muito cansado.

Medo que precede uma data importante pouco habitual

Manifesta-se através de:

  • tremores das extremidades;
  • diarreia ou vontade urgente de urinar;
  • uma taquicardia emocional;
  • uma insónia;
  • e por vezes perturbações da memória.

Esta emotividade intensa e o medo precedem de alguns dias a data (exame de uma criança ou de um adolescente, entrevista importante de um adulto).

Enxaqueca

Enxaqueca oftálmica

  • precedida por perturbações da visão,
  • com a sensação de laço apertado por cima dos olhos;
  • num sujeito surpreso, com tremores e o rosto congestionado;
  • cujo fim da crise se anuncia através de uma abundante emissão de urina.

Enxaqueca com aura neurológica

Só difere da enxaqueca oftálmica através dos sintomas que anunciam a crise, ou seja, formigueiro e entorpecimento do rosto.

Parto

Quando o trabalho é doloroso, irregular e ineficaz.

Paralisias faciais

Que aparecem durante o tempo quente ou a seguir a uma zona.

Gelsemium sempervirens convém se

Os fatores desencadeantes forem:

  • O medo.
  • Uma data pouco habitual e importante (exames, entrevista).

As modalidades forem:

  • Uma agravação com as emoções, com as más noticias, com o tempo quente e húmido.
  • Melhoras com uma micção abundante com o movimento.

Os sujeitos que respondem a Gelsemium sempervirens

São os sujeitos muito emotivos nos quais o mais pequeno receio provoca tremores das extremidades, e diarreia.

Posologia

  • Enxaqueca oftálmica Gelsemium sempervirens 7CH, 5 grânulos logo ao princípio da crise pode atenua-la bastante, depois uma meia hora mais tarde, a seguir, 2 grânulos todas as hora ou com menos frequência em função da intensidade das dores.
  • Parto: Gelsemium sempervirens 5CH, 2 grânulos de dez em dez minutos, depois espaçar as doses logo que as contrações voltarem a ser regulares.
  • Pirateias faciais: Gelsemium sempervirens 7CH, 2 grânulos 3 vezes por dia ate ao seu desaparecimento.

Originally posted 2014-04-09 15:30:09.

Comments

comments