Highlighted human lung-745184

A bronquite crónica é uma doença dos brônquios definida clinicamente pela presença de uma tosse e de uma expetoração (escarro) persistente pelo menos três meses por ano, dois anos consecutivos.

O número avaliado de sujeitos 1,8 que sofrem desta afeção é de 2,5 milhões dos quais 500.000 são mulheres. É responsável por 50.000 mortes por ano – ou seja, duas vezes mais do que o cancro bronco pulmonar – e custa em despesa de saúde à coletividade cinco biliões de francos por ano.

Para além disso, é uma doença ignorada, porque os fumadores acham normal tossir e expetorar.

Diagnóstico

A bronquite crónica é definida pela associação de uma tosse e de uma expetoração durante pelo menos trás meses por ano e pelo menos dois anos consecutivos.

O perfil típico do bronquítico crónico é um homem com mais de quarenta e cinco anos. Fumando paio menos um maço de cigarros por dia. vivendo numa atmosfera poluída. Os fatores de risco suplementares desta doença são as infecções respiratórias de origem virai na pequena infância as alergias, o alcoolismo.

Tratamento

O tratamento homeopático desta doença exige uma consulta medica e impõe cessar de fumar A bronquite crónica, pelas suas complicações (sobre infeciones brônquicas invernais, gripe, insuficiência respiratória crónica), as suas doenças associadas (asma, enfisema, insuficiência cardíaca), necessitam de um seguimento medico estrito e de um sério conhecimento da homeopatia.

Pela sua atividade, evita o aparecimento de infecções respiratórias e permite que o individuo seja tratado globalmente.

A maioria dos sintomas descritos no capitulo sobre as tosses pode ajudá-lo temporariamente. Portanto, consulte o capitulo sobre as tosses grossas, e o capitulo sobre a bronquite crónica das pessoas de idade.

Originally posted 2014-03-27 13:02:32.

Comments

comments