pl660535-calcium_silicon_barium_with_powdered_ca_si_alloy_for_nodular_graphite_melting

Origem

Baryta carbónica, o carbonato de bário, é uma substância tóxica que se apresenta sob a forma de um pó branco insolúvel na água e no álcool.

Indicações

Anginas a repetição

Crianças com amígdalas grossas, gangliões endurecidos e volumosos no pescoço.

Atraso das aquisições Intelectuais e físicas da criança

Aprende muito tarde a falar, a andar, a ler, e tem dificuldades escolares

Prevenção do envelhecimento

Nas pessoas que começam a apresentar perturbações da memória, e que raciocinam mais dificilmente.

Transpiração

Fria e fétida dos pés.

Adenoma da próstata

  • Se o diagnóstico já estiver feito

Hipertensão arterial

  • Sob controlo medico.

Baryta carbónica convém se

As modalidades forem:

  • Uma agravação com o frio, com o tempo húmido.
  • Melhoras com a solidão.

Os sujeitos que respondem bem a Baryta carbónica

Crianças lentas, tímidas, medrosas, que se escondem dos desconhecidos, e sujeitas a dificuldades escolares.

Adultos, parecem mais velhos do que a idade que têm; com uma inteligência abaixo da média, têm predisposição para uma senilidade precoce.

Posologia

Medicamento sobretudo das afeções crónicas, a dar durante um período prolongado (vários meses), não se esquecendo de espaçar as doses à medida que vai obtendo resultados.

Originally posted 2014-04-09 08:32:07.

Comments

comments