Aconitum_napellus_JPG1a

Origem

Aconitum napellus, o acónito, é uma planta vivaz da família das ranunculáceas que floresce, no estado selvagem ou nos nossos jardins, de Junho a Agosto. Muito tóxica, está presente nas nossas regiões entre 500 e 1,800m de altitude, é originária da Europa, da Ásia e da América do Norte.

O seu caule com cerca de 1,5m tem na parte terminal flores localizadas em cacho de um azul violáceo e folhas muito recortadas de um belo verde. Todos os anos, forma-se uma nova raiz na antiga que morre.

Composição

A tintura-mãe é preparada a partir da planta inteira apanhada no fim da floração, mas é nas suas raízes que se encontram as concentrações mais elevadas de princípios ativos: para além da aconitina, um alcaloide muito touco, contém dopamina e tiramina.

Indicações

Febre

Alta, que aparece brutalmente, caracterizada por:

  • uma pele seca, vermelha, quente, com arrepios;
  • uma sede intensa de grandes quantidades de agua fria;
  • uma agitação e uma ansiedade que aparecem por volta da meia-noite no acme da febre.

Muito Importante: é utilizado sobretudo no princípio das doenças que aparecem brutalmente. Logo que a transpiração aparece, o sujeito sente-se melhor, a indicação de Aconitum napellus cessa, e é substituído por Belladonna na maioria das vezes.

Perturbações ORL

Rinofaringites

O nariz entope-se brutalmente a seguir a ter apanhado um frio seco, mas não pinga. Por vezes, a lebre típica está logo presente.

Angina

Angina vermelha com febre característica logo ao princípio, a seguir a ter apanhado um frio seco.

Laringite

Com febre típica, despertar à meia-noite e ataques dolorosos de tosse rouca.

Golpe de sol, insolação

Com febre típica, e portanto vermelhidão no rosto e bastante sede.

Nevralgias

Da face e do trigémeo principalmente.
Ciáticas que aparecem com o tempo frio e seco, acompanhadas por formigueiro e entorpecimento.

Diarreia

Líquida de fezes verdes, com espasmos abdominais que nenhuma posição alivia. Aparece com o tempo frio e seco

Crises de angústia

Por volta da meia-noite com a sensação de morte iminente (Arsenicum álbum).

Hipertensão arterial

  • Simples.
  • Acompanhada por crises de hipertensão arterial com o nariz a pingar sangue vermelho brilhante.

Aconitum napellus convém se:

Os fatores desencadeantes forem:

  • Mudanças brutais de temperatura do quente para o frio seco.
  • Medos brutais súbitos e inesperados.

As modalidades forem:

  • Uma agravação por volta da meia-noite, com o frio seco e brutal.
  • Melhoras com o aparecimento da transpiração.

Os sujeitos que respondem bem a Aconitum napellus

São sujeitos jovens, vigorosos, de boa saúde, que adoecem de uma maneira brutal, inesperada e impressionante. Tornam-se muito ansiosos e angustiados neste estado.

Posologia

  • Nas nevralgias, nas crises de angústia: Aconitum napellus 15CH, 2 grânulos a repetir todas as horas ou mais vezes se necessário.
  • Laringites Aconitum napellus 15CH, 2 grânulos de 10 em 10 minutos enquanto o médico não chega.

Originally posted 2014-04-08 11:18:04.

Comments

comments