b59f0cafd4baf6f7497b8cdbdc9de0f4 - A Acupunctura

A Acupunctura

A acupuntura não utiliza medicamentos, mas só agulhas. Aqueles que conhecem esta terapêutica vão ficar surpreendido por a comparamos com a homeopatia, De facto, a grande condução que reina no espírito das pessoas não advertidas e a experiências que possuímos obrigam-nos a fornecer algumas precisões sobre este assunto.

A acupunctura, ao mesmo título que a fitoterapia, faz parte da medicina tradicional chinesa, data de pelo menos três mil anos a.C., tal como testemunham várias obras.

w9jrgVdfI7t4QAAAABJRU5ErkJggg== - A Acupunctura

A acupuntura – utiliza agulhas de metal que são espetadas em sítios precisos da pele, e moxas (pauzinhos de artemisa) que queimamos e que completam a sua ação.

 

Originally posted 2014-03-21 14:31:56.

Homeopatia para adelgazar 2 - A Sicose

A Sicose

A sicose, ou modo sicótico, é um modo reacional geral caracterizado ela produção de tumores cutâneos, pela permanência de corrimento nas membranas mucosas.

Os Sujeitos predispostos

Fisicamente

Estes sujeitos apresentam:

  •  uma propensão para a obesidade através de retenção hídrica acompanhada por celulite dolorosa;
  • uma transpiração excessiva do rosto, dos refegos, dos órgãos genitais;
  • um ataque dos fâneros (pelos, unhas, cabelos)

Psiquicamente

Encontramos nestes doentes:

  •  uma tendência depressiva individualizada para ideias fixas e obcecantes;
  • uma intolerância geral ao tocar e à pressão.

Essas pessoas apresentam uma sensibilidade anormal à humidade (mais no sentido da agravação, como na artrose) e as suas dores melhoram com o movimento lento.

Os fatores desencadeantes

Este modo relativamente confidencial na época de Hahnemann tornou-se muito mais frequente nos nossos dias, devido às condições que o põem em jogo:

Através de fatores medicamentosos:

  • na criança: as vacinações iterativas, as antibioterapias repetidas e injustificadas (rinofaringites por exemplo);
  • no adulto: uma corticoterapia prolongada, desequilíbrios hormonais naturais ou provocados (pílula contraceptiva por exemplo), abusos medicamentosos.

Através de fatores infecciosos a repetição:

  • na criança: as rinofaringites;
  • no adulto: as infecções uro-genitais.

Através de (adores hídricos: os traumatismos cranianos ou os choques psíquicos com aumento consecutivo de peso, o habitat num local húmido.

Sinais gerais

O sujeito sicótico apresenta no geral:

  •  uma tendência pouco habitual para “fabricar” verrugas, papilomas, condilomas;
  • uma propensão para infecções rinofaringeas ou uro-genitais persistentes e reincidentes, acompanhadas por corrimentos tenazes;
  • uma crise do aparelho osteo-articular. na origem de dores artrósicas que pioram com a humidade e melhoram com o movimento lento; ou seja. o sujeito, com o tempo húmido, acorda anquilosado, tem dificuldades para começar a mexer-se. A seguir, as suas dores desaparecem ou atenuam-se progressivamente depois de dar alguns passos.

Originally posted 2014-03-25 12:16:32.

curare bambini omeopatia - As perguntas que o médico homeopata lhe vai fazer

As perguntas que o médico homeopata lhe vai fazer

O que é que provocou a sua doença?

Foram circunstâncias desencadeantes, como:

  • ficou doente depois de ter cortado o cabelo:
  •  a sua rinite alérgica desencadeou-se depois de ter estado ao vento
  • teve a diarreia depois de ter comido ostras

Como e que começou a sua doença?

Ou seja, o modo de moo da doença tal como:

  •  uma febre que apareceu de uma maneira brutal ou lenta;
  • uma dor de cabeça que começou de um lado ou do outro.
  • uma rinite alérgica que começou com espirros muito frequentes ou com o nariz entupido e uma tosse seca.

Tem um comportamento diferente?

Uma eventual modificação do psiquismo, embora rara nas doenças agudas, pode traduzir-se por uma mudança de comportamento. Esta última aparece claramente quando acontece durante as febres na criança.

  •  quando o seu filho tem febre, toma-se ansioso e agitado, ou tem delírios e alucinações ou está completamente abatido, obnubilidado a sonolento;
  • logo que sofre, o seu humor muda, é melhor ninguém se aproximar de si

Como é o seu estado geral?

Os sinais gerais traduzem o modo de reação geral do organismo a doença. Por exemplo, os sinais gerais que acompanham a lebre são a transpiração, a sede, o estado físico as modalidades de agravação ou de melhoras.

Os sinais gerais concomitantes de uma dor ciática são. por exemplo, as dores que vão aumentando de uma hora ás três horas da manhã, uma agitação e uma ansiedade consecutivas que obrigam o doente a sair da cama e a caminhar apesar do seu estado de fraqueza e das suas dores.

Onde é que tem dores?

Os sinais locais, no geral nitidos, facilitam a descoberta do medicamento:

  • uma dor cervical, ou dorsal, ou tombar é um sinal local.

Como é que reage?

As modalidades, ou seja, as reações gerais do individuo face à doença.

Originally posted 2014-03-26 09:50:23.

herbs larger pic - O Método dos frascos separados

O Método dos frascos separados

A diluição

O principio é simples: consiste em diluir num frasco uma unidade da substância do inicio em partes de álcool para obter a 1 CH. Depois diluir de novo, num outro frasco, uma unidade da 1 CH em 99 partes de álcool para obter a 2 CH, etc. Por outras palavras, há 1 por 100 da substância de inicio na 1 CH, 1 por 10.000 na 2CH, 1 por 1.000.000 na 3 CH. etc.
Se a diluição de uma unidade da substância de inicio se fizer em 9 partes de álcool, obtemos a primeira diluição decimal ou 1 DH.

A dinamização

Para que os produtos finais sejam ativos, cada diluição obtida deve ser abanada manual mecanicamente cem vezes: é a sucessão ou dinamização Insistimos sobre esta noção de dinamização, porque é uma etapa capital e obrigatória que condiciona e explica provavelmente a atividade do medicamento homeopático apesar da quase ausência de moléculas.

Era de notoriedade “homeopática” – quando a sua fabricação era artesanal – que os medicamentos insuficientemente e/ou molemente agitados tinham uma eficácia nitidamente inferior à dos medicamento vigorosa e suficiente abanados.

Diluiçao

Substancias

1 por 100

Corresponde a 1CH

1 por 10.000

Corresponde a 2CH

1 por 1.000.000

Corresponde a 3CH

1 por 10^18

Corresponde a 9CH

1 por 10^30

Corresponde a 15CH

1 por 10^50

Corresponde a 30CH

Este procedimento permite obter diluições sucessivas. É, por exemplo, Belladonna 4CH, Belladonna 5CH, Arnica montana 9CH

Originally posted 2014-03-25 09:45:44.

A Organoterapia

A organoterapia define-se pela utilização terapêutica de órgãos de animais sãos, no estado bruto ou sob a forma de extrato. Sumariamente, damos ao doente extratos de fígado para curar as doenças hepáticas. Esta técnica foi criada e desenvolvida principalmente por Fortier-Bernoville, um medico homeopata de renome.

Estes medicamentos, diluídos e dinamizados, apresentam-se sob a forma de grânulos, e são receitados segundo a lei da similitude, tal como os medicamentos homeopáticos. No entanto, contrariamente as aparências esta técnica é totalmente diferente da homeopatia embora estes remédios tenham passado por um modo de preparação idêntico ao dos medicamentos homeopáticos.

De facto, falta um elo indispensável à atividade do medicamento homeopático a experimentação no sujeito são ou patogenesia.

Esta última é indissociável da definição da homeopatia. Um medicamento só se toma homeopático quando desenvolveu – no indivíduo de boa saúde e sensível – um conjunto de sintomas que é suscetível de curar no sujeito doente, é uma noção fundamental, muitas vezes esquecida na definição da homeopatia. Do mesmo modo, a similitude dos sintomas também está ausente.

Um dos medicamentos clássicos da organoterapia é a Thyroidea, a tiroide. Este último é utilizado nas perturbações funcionais da tiroide, ou seja, nos maus funcionamentos da tiroide pré-existentes às modificações da percentagem de hormonas tiroidianas no sangue. Os tratamentos não são cobertos pela Segurança Social e por isso não são reembolsados.

Originally posted 2014-03-21 15:16:39.