o SLEEP facebook -

Diagnóstico

Extremamente frequentes, manifestam-se na criança, nas primeiras horas do sono, por um despertar brutal com gritos e um estado de pânico incontrolável.

Neste contexto, a criança é inconsolável e já não tem qualquer recordação na manhã seguinte. Desaparecem progressivamente com a idade, mas a sua persistência na adolescência deve incitar a procurar uma perturbação psicológica subjacente.

Tratamento

Os principais medicamentos homeopáticos são:

  • Stramonium 9CH é o medicamento típico do terror noturno das crianças que só conseguem adormecer com uma luz indireta e a presença de um dos pais. Este estado também se manifesta logo que a criança tem febre.
  • Hyoscyamus niger 9CH é adaptado às crianças desconfiadas, ciumentas, que riem, soltam gritos ou rangem os dentes enquanto dormem. Ou então àquelas que acordam de noite em sobressalto, trémulas, transtornadas e muito ansiosas, não reconhecendo ninguém.
  • Kalium bromatum 9CH convém às crianças cuja ansiedade se revela através da agitação constante das mãos e dos dedos, e da trituração incessante de pequenos objetos.
  • Borax 9CH corresponde a crianças que acordam de noite aos gritos. Têm regularmente aftas ou herpes. O seu estado piora com o movimento de descida — por exemplo quando as deitamos no berço – que lhes provoca vertigens.
  • Cina 9CH é adaptado às crianças regularmente infestadas pelas lombrigas, que rangem os dentes durante a noite.
  • Tarentula hispana 9CH, para as crianças ansiosas, extremamente agitadas que, mesmo sentadas, mexem os membros sem parar. Devido a este estado, têm grandes dificuldades de concentração.
  • Calcarea carbónica 9CH é um medicamento de terreno que diz respeito às crianças com terrores noturnos.

Posologia (para todos estes medicamentos): 2 grânulos ao deitar.

Originally posted 2014-04-07 09:36:52.

wp12b6bea4 - A Fitoterapia

A Fitoterapia

A fitoterapia utiliza as plantas medicinais para curar, até mesmo prevenir as doenças. Esta disciplina existe desde a noite dos tempos: foi desta maneira que os primeiros homens se trataram. Encontramos no Simpósio numerosas plantas que eram vulgarmente receitadas antes da chegada da indústria farmacêutica e das moléculas de síntese

A fitoterapia utiliza posologias clássicas, “alopáticas”, que se exprimem em gramas, em centigramas ou em miligramas. Estes medicamentos são tomados principalmente sob a forma de cápsulas tisanas, suspensões, extratos ou intractos, tinturas-mães. Assim, se consumir, com estas doses, a cavalinha, a sílica, o harpagophytum, a passiflora a valeriana, está a utilizar a fitoterapia e não a homeopatia. Duas especialidades que correspondem a maneiras especiais de tratar através das plantas resultam daí:

  • A aromaterapia é o tratamento das doenças através de aromas vegetais, e mais precisamente através de óleos essenciais. A essência das plantes á obtida, entre outros, através da destilação a vapor. A manipulação dos óleos essenciais é delicada e requer utilizadores experientes, porque, entre mãos incompetentes, os riscos de toxicidade são grandes principalmente na criança pequena. O eucalipto e a lavanda ou o alecrim em óleos essenciais são vulgarmente utilizados nas infecções pulmonares.
  • A geroterapia utiliza as macerações glicerinadas que resultam da ação dissolvente de uma mistura de glicerina e álcool sobre tecidos vegetais muito jovens, em pleno crescimento. Rosa canina, Ribes nigrum, Viscum álbum são algumas destas macerações glicerinadas mais conhecidas.

A fitoterapia constitui para muitos médicos homeopatas um complemento terapêutico
interessante.

Originally posted 2014-03-21 11:48:15.

fundo02 - Rinofaringites

Rinofaringites

Os medicamentos das rinofaringites do adulo e da criança são idênticos. Para escolher os medicamentos referentes à sua constipação, aconselho o leitor a rever o artigo sobre as rinofaringites da criança. Se a sua temperatura estiver muito alta, consulte o artigo as “Febres da criança”.

Originally posted 2014-03-27 15:20:52.

Aree d’intervento - O que é necessário sabe para se tratar com a homeopatia

O que é necessário sabe para se tratar com a homeopatia

Em função dos seus conhecimentos, dos seus hábitos da homeopatia, utilizará esta parte prática com uma facilidade mais ou menos grande:

  •  Se está familiarizado com a homeopatia, sabe observar, reconhece rapidamente os sinais importantes. A navegação far-se-á facilmente neste livro.
  • Se está a descobrir a homeopatia, a navegação necessitará talvez de um período de aprendizagem, até mesmo de arfagem, e da ajuda de uma bússola. Aconselho o leitor a ir consultar um médico homeopata que o ajudará a adquirir este estado de espírito necessário a uma prática inteligente da homeopatia.
  • Em função da sua cultura médica, os conselhos de prudência permitir-lhe-ão evitar eventuais obstáculos.

Em todo o caso, se se perder, se o nevoeiro for muito denso, ou se tiver a mínima dúvida, se não conseguir orientar-se. não hesite em lançar um “SOS” ao capitão da sua saúde: o seu médico homeopata.

Originally posted 2014-03-26 10:43:32.

1371627748 cartaz consultas oftalmologia - Oftalmologia

Oftalmologia

As possibilidades da homeopatia nesta área são muitas vezes desconhecidas do grande público e dos profissionais de saúde não homeopatas.

Numerosos medicamentos alopáticos que intervêm nas afeções dos olhos, ou nas doenças mais gerais, comportam efeitos secundários e causam consequências nefastas sobre os olhos. Por exemplo, alguns colírios, ou os corticóides ou outros, atuando sobre a angina de peito ou sobre a pão arterial, podem provocar glaucomas.

A homeopatia associada no tratamento destas doenças tem a vantagem de minimizar os efeitos deletérios destes medicamentos,mesmo modo, atua nas manifestações oftalmológicas rebeldes à terapêutica alopática.

A idade também é interessante nas doenças dos olhos que aparecem nas pessoas de idade. A homeopatia é eficaz tanto nas manifestações infecciosas como nas alérgicas. As afeções febras também podem ser tratadas com esta terapêutica.

Com as diferentes indicações descritas neste capítulo, aconselho o leitor a não deixar persistir as leões mais de quarenta e oito horas e a consultar imediatamente um médico principalmente se os seus olhos estiverem vermelhos, dolorosos e/ou acusarem uma má visão.

Originally posted 2014-04-01 11:15:12.